Spark – Tecnologia e Ciência

Category Archives: Intimidade

Vida sexual robótica

February 14, 2017
Posted by 38UHWpjb6exC

Aiko Chihira é uma pequena ciborgue, um androide gerado pela Toshiba. É também o robô mas realista acontecimento até hoje em dia. Obsessivamente humanoide, possui a figura de uma bela senhora oriental, com uma delicada timidez e também uma personalidade gestual claramente submissa ao humano que interage com ela. A Toshiba não oi isto, porém talvez Aiko Chihira encarne o protótipo do robô sexual do porvir. No Japão agora as bonecas sexuais hiper-realistas são um ramo em desenvolvimento ( para ter teoria, basta ir aos páginas da Real Doll, Orient Industry ou Kanojo Toys).

Não só paqueraremos pelo celular como as relações virtuais estão logo depois da esquina. Dispositivos como o Cyberith Virtualizer, um simulador de verdade virtual, marcam a novidade fronteira, nos quais o armário de orgasmos de Allen se torna verdade. Embora o Google tenha castrado de seus óculos de verdade virtual o entrada a conteúdos sexuais, diversos esperam uma alude de teor pornográfico nesse planeta recriado, para o que asemelhava a ir a indústria do cinema erótico.

E também sim, a eletrônica vai conosco para a leito. Seja com o contato com robôs humanoides ou mediante o sexo recôndito através de dispositivos eletrônicos, como o Klic-Klic, um gadget de informação sexual à intervalo desenvolvido na Catalunha, com figura de um consolo e também dotado de uma cavidade com repositório de líquidos numa de suas pontas.

O Klic-Klic admite a conexão entre 2 aparelhos pela Rede mundial de computadores ou Bluetooth, devolvendo as sensações a quem o usa conforme o proporção de intensidade de seus estímulos.

Porém apenas um produto totalmente natural fará com que você consiga chegar ao prazer pleno, o Tesão de Vaca que auxilia a uma vida sexual ativa.

Do consolo ao app

Na era do sexo do dedo, nos quais tudo é quantificado, medido e também moderado em nome do sacrossanto desempenho, vibradores e também apps cronometram os embates sexuais e também sugerem posições para fazer paixão, começando pelo OhMiBod, que vibra ao ritmo da música de um iPod e também possui sete programas de vibração a serviço do utente. Além de lazer, há estágio : poucos aplicativos, como Lick your Phone, medem a eficiência de um culiningus à apoio de lambidas na tela do iPhone, o tempo o HappyPlayTime promete a mulheres jovens o descoberta de seus próprios corpos com exercícios e também propostas a gretar da tela táctil.

E também, fruto de uma muito -sucedida campanha de crowdfunding, a startup Desconfiança oferece o resultado mas avançado até o instante : um vibrante do dedo que reage e também responde à pressão exercida pelos sensores ultrassensíveis do dispositivo. O que está naturalmente é que o sexo se digitaliza, como nenhum gênero de paisagem da vida analógica. Até multinacionais da eletrônica como a Philips têm em seu catálogo massageadores eróticos para casais.

A médica Helen Driscoll, da Universidade de Sunderland, diz que a robótica desempenhará papel qualquer vez mas essencial no mercado da libertinagem. Número reduzido de vão além, como David Levy, da Universidade de Maastricht, que defende que as relações sexuais entre os humanidade e também os robôs serão inevitáveis.

Conheça mais sobre: www.tesaodevaca.com.br